37 Dicas para conseguir fotos incríveis! + Dica Bônus

37 Dicas para conseguir fotos incríveis + DIca Bônus

 


Eu tive muita sorte de ao longo do meu aprendizado conhecer fotógrafos maravilhosos que me ensinaram muito do que aplico hoje em minha fotografia. Além deles, minhas próprias experiências foram fundamentais para ao longo do tempo compreender minhas próprias falhas e buscar correções. Para mim, fotografar é acima de tudo, persistência, repetição e correção. 

Eu resolvi construir uma lista com 37 dicas que eu realmente aplico na minha fotografia para ajuda-lo a conseguir Fotos incríveis com o equipamento que você utiliza atualmente. Depois me digam o que acharam e não esqueçam que no final do artigo tem uma dica Bônus Fantástica!

Conseguindo Fotos Incríveis:

Dica 1 # Chegue mais perto

Foi o famoso fotojornalista Robert Capa que disse: “Se suas fotos não são boas o suficiente, então você não está perto o suficiente”. Eu entendo totalmente a dificuldade do fotógrafo iniciante em conseguir chegar perto do seu alvo, principalmente quando se trata de fotografia de rua, pelo contato com pessoas desconhecidas. Mas não há outro caminho, se você quer conseguir fazer fotos incríveis, chegue mais perto!

 

Dica 2 # Fotografe Todos os dias

Essa é uma dica que provavelmente se aplica a qualquer coisa que você queira ser realmente bom. Pratique constantemente a fotografia, busque todo dia aprimorar a sua técnica, procure constantemente falhas em seus métodos, corrija-os.

   Dica 3 # entenda a luz do ambiente

Antes de sair fotografando feito louco, estude o ambiente. Analise a luz, entenda de onde ela vem. Com o tempo, só de olhar a direção do sol ou da luz artificial você compreenderá a melhor posição para realizar fotos incríveis.

Dica 4 # Peça permissão

Se você for fotografar pessoas na rua, seja educado e respeitoso. Fotografar alguém requer um nível de intimidade muito profundo e é realmente difícil para nós, fotógrafos, acumular essa relação nos poucos segundos que temos para realizar aquela foto perfeita. Mas sempre que possível, pergunte a pessoa se pode fazer uma fotografia dela, mostre o resultado do trabalho, agradeça. Você se surpreenderá sobre como as pessoas são solicitas quando você age com educação.

 

Dica 5 # Use o Flash mesmo no dia

Há a crença de que o flash só se faz necessário em ambientes fechados ou de pouca luz, mas mesmo em ambientes extremamente iluminados, como uma praça sob luz do sol, em alguns momentos o flash se faz necessário. Quando a luz cria sombras duras, criar uma luz extra pode ser a reposta para conseguir fotos incríveis antes mesmo do processo de edição!

Dica 6# ISO

Há perguntas a serem respondidas quando se pensa em qual ISO utilizar em suas fotos.

Que horas do dia você está fotografando? Se você está fotografando na rua no meio do dia, você precisa usar um ISO baixo, entre 100 e 200. Se você está fotografando a noite sem um tripe, você precisará aumentar o ISO para criar uma luz que permita a realização da fotografia.

Seu assunto está bem iluminado? Se não for o caso, você precisará usar um ISO alto. Um número entre 800 e 1600 provavelmente dará conta do recado.

Você quer uma imagem nítida ou uma imagem com sensação de movimento? Usando uma velocidade rápida no Obturador da sua câmera para aumentar a nitidez de fotos em movimento você precisará de um ISO alto para suprir a baixa entrada de luz. Agora,se você utilizar uma baixa velocidade para construir sensação de movimento (o efeito motion blur) o ISO precisará se manter baixo para que não haja excesso de luz na imagem.

Não esqueça: O ISO alto aumenta consequentemente o ruido da sua fotografia.Com um ISO acima de 3200 o ruído digital já será nítido em sua fotografia, nada que não possa ser corrigido no Photoshop se não for a sua intenção a utilização deste ruído no resultado final da sua imagem.

Dica 7: Compre livros, não equipamentos.

Sem conhecimento, de nada adianta ter uma 1D. Sério.  Ao invés de seguir esses tutoriais loucos da internet que lhe mandam comprar um monte de equipamentos que você realmente não vai precisar por um longo tempo – talvez nunca precise – invista em livros! 
O conhecimento técnico de fotógrafos mais experientes evita que cometamos os mesmos erros que eles cometeram no começo da carreira, além de nos apresentar olhares mais aprofundados sobre a fotografia. Imagina o tanto que você pode aprender com o conhecimento de um fotógrafo de guerra? Pare de investir em equipamentos, compre livros!

Dica 8: Leia o Manual da sua câmera

O manual da sua câmera está ali por um simples motivo: Para te ensinar a manusear a câmera. O manual da câmera tem as mesmas informações que você encontra em cursos pagos na internet. Não seja bobo o bastante para ignorar este conhecimento. 

Dica 9: Vá com calma

Tire um tempo antes de realizar a fotografia para pensar no que você quer fazer. Não saia fotografando feito um louco e volte pra casa com 32GB de imagens repetidas de um mesmo objeto.

Eu tenho como objetivo da minha vida fazer uma imagem para cada cena, claro que muitas vezes eu não consigo, mas quando você cria uma meta como esta, você aprende a valorizar mais a fotografia e por consequência aumentar a vida útil da sua câmera. 

Dica 10: Pare de checar a sua foto no visor da câmera

Aprenda a saber o que você fez. Quanto mais tempo você investir no estudo da técnica fotográfica, mais consciente você estará do resultado final das suas imagens e por consequência aprenderá a ignorar totalmente o visor da câmera. Lembre da fotografia analógica, os melhores fotógrafos da história só tinham acesso ao resultado final das suas imagens quando chegavam na sala de luz. Talvez ai esteja um dentre tantos motivos que os fizeram ser tão bons.

 Dica 11: Enquadramento

Imagine a fotografia como uma janela. Determinar como você apresentará a fotografia ao espectador é a base da técnica do enquadramento. Aprenda a enquadrar suas imagens, tenha calma no momento do registro e determine o que o seu espectador enxergará, construa os planos com coerência e controle.

Dica 12: seja o maestro da luz

Evite fotografar com a luz totalmente atrás de você, isto cria um efeito chato de luz plana sobre o assunto. Quando você fotografa com a luz nas suas laterais você consegue por consequência, controlar a entrada dela na fotografia e dominar a luz completamente, mais ou menos como se estivesse em um estúdio, equilibrando sua entrada e definindo o melhor efeito para criar fotos incríveis.

Dica 13: Marcas D’ÁGUA

Essa dica não é sobre o ato de fotografar, mas sobre a forma que você apresenta o seu trabalho ao telespectador. Fuja das marcas d’água. Todo mundo no começo da fotografia acredita que se não adicionar um logo enorme na sua imagem, em pouco instantes ela estará estampada em revistas internacionais sendo assinadas por alguém que roubou sua fantástica imagem…

A marca d’água além de poluir esteticamente o resultado final da sua imagem pouco lhe protege do roubo de imagens já que com poucos cliques no Photoshop é possível reconstruir o local onde a marca foi adicionada.

Antes de pensar em proteger seus direitos autorais, proteja a sua imagem. Produzir fotos fantásticas também é entender como o espectador receberá o resultado final. Faça uma pesquisa rápida entre fotógrafos de renome, muito provavelmente você não encontrará nenhuma marca d’água. Então se você a utiliza, reflita sobre qual o objetivo dessa aplicação e do quê ela realmente está lhe protegendo. A única forma de você proteger as suas imagens é não publicando-as na internet.

Dica 14 # Esteja Presente

Preste atenção no objeto e no ambiente. Abaixe a câmera. Só a levante quando estiver pronto para compor a cena perfeita evitando excesso de cliques. Não trate seu assunto como um experimento científico, seja humano e respeitoso. Apresente-se como igual. Quando você se põe em situação diferente que o objeto das suas cenas, a pessoa fotografada naturalmente agirá diferente por está sendo observada o que limitará e muito as possibilidades de realizar fotos incríveis!

Dica 15 # Tenha Controle sobre a Velocidade do Obturador

Estar ciente sobre a velocidade do obturador é a diferença entre realizar uma fotografia borrada ou uma fotografia super nítida. Tudo depende do que você está procurando. Se você estiver fotografando um evento esportivo ou crianças brincando provavelmente desejará seus assuntos em foco. Para capturar ações rápidas você precisa usar uma velocidade de obturador superior a 1/500 por segundo. Agora se você quiser fotografar por exemplo, as luzes traseiras de um carro passando de ponta a outra da sua fotografia, você precisará usar uma velocidade de obturador baixa, criando uma longa exposição. Em números, qualquer valor acima de um segundo já construirá o efeito que deseja.

Dica 16 # Carregue suas Baterias

Já tratamos aqui de como preservar a bateria da sua câmera em casos de extremo desespero. Mas para evitar que você precise em algum momento utilizar medidas emergenciais, carregue suas baterias sempre que chegar de uma sessão de fotos. Normalmente, quando saímos para alguma sessão é difícil lembrar de tudo, e uma bateria baixa pode atrapalhar muito sua vida. Então evite passar por essas situações e carregue suas baterias no momento que voltar de uma sessão de fotos.

Dica 17 # Comprimento Focal

Mantenha as coisas simples. Eu realmente utilizo a 18mm e a 50mm para tudo. Não ser preguiçoso e saber a hora exata de trocar as lentes antes de olhar pela câmera evita que eu perca os momentos perfeitos, mas não precisar trabalhar com zooms também é uma mão na roda. Aprendi através da opinião dos melhores fotógrafos do mundo – lembra o que falei de investir em livros? – que utilizar lentes fixas é o melhor caminho. No começo foi realmente complicado me adequar a necessidade de movimento constante, mas confie em mim: A longo prazo, se você não estiver trabalhando com animais, lentes fixas realmente serão a melhor solução para qualquer situação!

 

Dica 18 # Faça parte de uma comunidade Fotográfica

Busque grupos no Facebook, faça parte da comunidade de fotógrafos da sua cidade.  Há comunidades nacionais que para sua participação efetiva é necessário uma pré-seleção como a Antility comunidade ta qual também faço parte  e outros agrupamentos de fotógrafos mais abertos como as páginas do Facebook. Se você gosta de retratos, o grupo da Eduk pode ser uma boa opção.

Para além do mundo virtual, tente manter uma relação com fotógrafos da sua cidade. Compartilhar conhecimento pode realmente ser o que faltava para melhorar determinadas falhas da sua fotografia.

Dica 19 # Fotografe com a sua mente

Mesmo quando você não estiver fotografando, fotografe com a mente. Todo os dias da minha vida eu termino fazendo alguma foto com minha mente. A ideia é compor cenas, esperar por um momento perfeito e entender que aquele momento criaria uma fotografia perfeita.

Dica 20 # Retorne o favor

Tratando de fotografia de rua, quando uma pessoa pousa para você, ela está lhe fazendo um favor. Retorne este favor de algum modo. Principalmente se você fotografa regiões muito pobres, por menos de 0,50 centavos você consegue imprimir uma fotografia para alguém que talvez, sequer tivesse uma foto de si mesmo até aquele momento.

Dica 21 # Tenha a câmera perto de você o tempo todo!

Você não vai conseguir fazer fotos incríveis se não estiver com a câmera perto de você no momento da fotografia perfeita. Uma vez estava conversando com um fotógrafo, ele me disse que não saia com a câmera pela rua porque tinha medo de ser assaltado. Agora imagina todos os fotógrafos de guerra que tanto adoramos ouvindo isso? Imagina como alguém pode dizer que quer ser um fotógrafo de rua se tem medo de andar com a câmera na rua e registrar os momentos que, de fato, determinam um fotógrafo como fotógrafo de rua.

Se você quer fazer fotos incríveis, não tem outro caminho: Esteja com a câmera perto de você o TEMPO TODO!

Dica 22 # A hora de Ouro ( Golden Hour)

Fotografe retratos e paisagens na hora de ouro. A luz é suave e as cores mais vibrantes neste momento.

 

Dica 23 # Simplifique

Não tente adicionar muita informação na sua fotografia, mantenha as coisas simples. Tente ao máximo manter o assunto principal claro para o espectador, compor em camadas é uma boa forma de adicionar mais elementos sem necessariamente poluir a sua imagem.

 

Dica 24 # Não fique Atolado de Equipamentos

Todos nós já vimos esse tipo de fotógrafo. Ele vive falando de equipamentos, carrega em sua mochila um monte de lentes que não usa e nos poucos momentos que fotografa, cria imagens medíocres: Não seja esse cara.

Foque na técnica e os resultados aparecerão. Equipamentos fazem pouquíssima diferença no resultado final da sua fotografia e servem apenas como um facilitador, nunca como um item de anulador de técnicas medíocres. 

 

Dica 25 # Perspectiva

Fotografias tornam-se mais atraentes quando feitas de posições diferentes da visão normal do espectador. Fuja da rotina: agache-se, incline-se, busque novas perspectivas e resultados melhores aparecerão. Fotos incríveis só são criadas quando fugimos do padrão, pense fora da caixa.

 

Dica 26 # Tome cuidado com o Plano de Fundo

Lembre-se: A imagem não é apenas o seu assunto e sim, todo o resto que a compõe. Tenha cuidado com objetos que estão localizados no fundo do seu assunto e não deveriam estar ali. É importante pensar sempre se aquele objeto de fundo realmente ajudará a contar a história ou está apenas poluindo a imagem.

 

Dica 27 # Preste atenção nas Sombras

Conhecer a forma que elas se apresentam no ambiente é acima de tudo entender quando a sombra pode ser sua aliada em uma imagem. Você pode por exemplo, conseguir uma ótima exposição quando se posiciona embaixo de uma sombra com o assunto exposto na luz. Experimente.

Dica 28 # Regra dos Terços

Sem dúvidas a um dos assuntos mais tratados quando falamos de regras da fotografia. Isto porque a Regra dos Terços realmente funciona. A ideia é simples, construir um jogo da velha na sua fotografia e direcionar os assuntos aos pontos de interseção das linhas. Mais ou menos dessa forma:

Dicas Fotos Incríveis - Regras dos Terços

Os pontos em vermelho são as interseções. Quando adicionamos os assuntos principais nestes pontos construímos ao espectador uma linguagem de fácil compreensão. Aplique este método em suas fotografias, analise os resultados, transforme-o em rotina nas suas imagens e quando compreender por completo o método, desconstrua-o, recrie com base nestas informações técnicas novas, fuja da caixa e adicione suas características ao método. Este é o segredo para criar fotos incríveis!

Dica 29 # Exposição

Não perca o controle da exposição das suas imagens. Lembre-se que determinar a quantidade de luz da imagem é nosso objetivo principal, então encontrar a exposição perfeita é objetivamente criar fotos incríveis.
A exposição é determinada pela quantidade de luz que o sensor da câmera recebe. Se uma imagem receber muita luz a fotografia estará superexposta ou seja, muito clara. Se a fotografia receber pouca luz ela estará subexposta, ou seja muito escura.

Não há uma forma padrão de determinar a exposição, ela irá variar para cada momento porque a quantidade de luz do local é determinante neste processo, então sempre preste atenção na exposição! 

Dica 30 # Não perca tanto tempo na Edição

A dica é aprimorar a sua técnica fotográfica para que, na mesa de edição, você não invista tanto tempo. Criar resultados realmente realistas em softwares de edição requer um aprimoramento técnico muito aprofundado nestes programa.

Se você não é um expert no Photoshop será impossível criar efeitos realistas nos primeiros contatos com o programa. Então se você passar mais de dez minutos na mesa de edição, talvez seja melhor investir mais tempo no aprimoramento da sua técnica fotográfica.

Dica 31 # você e a câmera precisam se tornar um só.

Pressione o botão independente do resultado para que a câmera se torne parte da sua mão. – Dean Saffron

 

Dica 32 # Segure sua câmera apropriadamente

Você pode até não saber, mas há uma forma certa e uma forma errada de segurar a sua DSLR. A maneira correta é apoiar a lente, colocando a mão de apoio embaixo dela. Isso geralmente é feito com a mão esquerda enquanto a mão direita segura o corpo da câmera, deste modo, evita-se a trepidação da câmera.

Se você estiver segurando a câmera com as duas mãos no corpo da lente por exemplo, não há nenhum apoio para a sua lente o que pode gerar imagens embaçadas. Para obter uma postura ainda mais estável, dobre os cotovelos na lateral do seu corpo!

 

Dica 33 # Limite sua Paleta de Cores

Quando uma fotografia tem cores em excesso torna-se difícil para o leitor sua interpretação. A menos que esteja fotografando o frevo de Recife, arco-iris ou imagens que realmente precisam ser coloridas, evite o excesso de cores. Tente se concentrar em não variar muito em sua paleta e ter uma ou duas cores dominantes na imagem.

Será mais agradável aos olhos e ajudará ao espectador determinar o tom da imagem.

 

Dica 34 # Deixe seu assunto relaxado, faça-o confiar em você.

Isso se aplica principalmente quando falamos de retratos. Criar uma relação amistosa com seu assunto é principalmente criar um ambiente amistoso do qual ele confie e sinta-se confortável em pousar. Dessa forma, resultados melhores aparecerão e o assunto estará mais disposto a seguir suas indicações e apresentar opiniões que talvez, melhorem e muito o resultado final do seu trabalho.

 

Dica 35 # Inspiração vem de todos os lugares

Veja quantas fotografias puder. Em museus, livros, no Pinterest! Busque inspirações o tempo todo. Mas não seja passivo: estude as imagens, analise o que você gosta e o que não gosta delas, tente refaze-las, copie e aproprie-se da imagem, deixe-a melhor!

 

Dica 36 # Seja paciente e persistente

Com tempo, paciência e perseverança você irá fazer fotos melhores. Tenha paciência, continue persistindo na evolução e os resultados aparecerão.

Dica 37 # Quebre as Regras

Aprimore-se no conhecimento das regras fotográficas. Vire um expert nelas e só então, com o conhecimento necessário para saber o que está fazendo, reconstrua-as do seu modo. Crie novos métodos, aplique-os em suas imagens.
Não permita que delimitações impeçam sua fotografia, mas sempre, com o conhecimento necessário para saber o que está fazendo.

Item Bônus:

Muitas vezes, é fundamental um aprimoramento técnico básico mesmo para conseguir aplicar todas estas dicas em suas imagens. E não há nada de errado em buscar ajuda quando se trata de questões específicas da fotografia que não são facilmente solucionadas.

Para um aprimoramento técnico direcionado, realmente recomendo o curso de fotografia O cara da Foto. Eles tem vídeo-aulas que você não encontrará em nenhum outro lugar na internet e um sistema de devolução da grana investida se o cliente não estiver satisfeito, então realmente recomendo, dêem uma olhada porque o curso completo sai realmente bem em conta. Menos de R$100,00:

 

E então, gostou das dicas? Tem alguma que não está na lista? Deixe nos comentários!

%d blogueiros gostam disto: